•  
  •  
Breadcrubs
single

União Mogi é superado pelo Amparo em jogo de duas "viradas"

Alvirrubro de Mogi das Cruzes chegou a estar na frente do placar, mas sofreu dois gols e deixa escapar a vitória na casa do adversário

O União Mogi foi superado pelo Amparo por 3 a 2 na tarde deste sábado (20/04), no Estádio José Araújo Cintra, em Amparo, em jogo válido pela terceira rodada do Grupo 5 do Campeonato Paulista Sub-23 da Segunda Divisão. Com o resultado, o União está em quinto lugar com 1 ponto em duas partidas. Já o Amparo é o líder da chave com 7 pontos em três jogos.

O técnico do União Mogi, Gelson Fogazzi, destacou que o placar mais justo seria o empate pelo o que os times produziram nos dois tempos da partida. "Fomos melhores no primeiro tempo e eles no segundo. Lamento apenas que poderíamos ter saído com uma grande vitória, mas infelizmente erramos dois gols no começo do segundo tempo que depois nos custaram caro", frisou o treinador, que gostou da evolução do time em relação à primeira rodada. "Fiquei satisfeito. Há coisas boas e algumas que precisam de ajustes. Pelo que treinamos ao longo da semana, mesmo com os problemas de falta de campo para treinar, fizemos um bom jogo de futebol", completou.

O meia Mateus Coré afirmou que o time começou bem concentrado, apesar de ter saído atrás no placar. "Conseguimos manter a calma após sofrer o gol e isto mostra que tivemos bem. Na segunda etapa, faltou um pouco de entrega de cada um, mas creio que fizemos um grande jogo e a torcida pode confiar que vamos honrar muito esta camisa", afirmou.

Jogo

O confronto entre União e Amparo foi marcado pela disposição técnica das duas equipes e por duas viradas no placar. Na agitada primeira etapa, o Alvirrubro foi melhor que os donos da casa e foi para o intervalo com a vitória parcial, mas precisou se sobressair ao adversário.

Aos 9 minutos, o Amparo abriu o placar com Lauro. Ele pegou rebote na área bateu forte sem chances para o Lucão. Na sequência, vieram os gols do União Mogi. Aos 17 minutos, após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Carlão, que escorou para o gol e empatou o jogo. A virada veio aos 30 minutos. A zaga do Amparo errou a saída de bola, Mateus Coré tomou e bateu de fora da área, com efeito, no ângulo do goleiro Neneca: golaço.

Com a vantagem, o União voltou para o segundo tempo muito ligado e em seis minutos poderia ampliar o placar com Mateus Coré. Aos 2 minutos, ele recebeu na área e bateu forte, mas o goleiro Neneca fez grande defesa. Quatro minutos depois, novamente a bola caiu nos pés de Mateus Coré. Ele aproveitou a falha da defesa e bateu colocado, mas a bola caprichosamente acertou a trave do Amparo e saiu.

Estes erros tiveram efeito imediato nos donos da casa que reagiram e chegaram à virada no placar após saídas erradas do meio de campo do União Mogi. Aos 11 minutos, depois de um bate-rebate na área alvirrubra, Adame pegou de primeira e marcou. Aos 21 minutos, novo contra-ataque do time da casa. O atacante Branco recebeu lançamento em posição duvidosa, avançou e tocou na saída de Lucão, que nada pôde fazer: 3 a 2 para o Amparo.

Aos 36 minutos, o Amparo poderia ter ampliado o marcador. Yuri recebeu lançamento e avançou sozinho. Lucão esperou a definição do atacante e conseguiu neutralizar a jogada com muita eficiência.

Depois disso, o União Mogi até tentou chegar ao empate, mas as ações ofensivas foram neutralizadas pelo Amparo.

FOTOS / ALEXANDRE BARREIRA / ALEXMAR COMUNICAÇÃO / AI UNIÃO MOGI

single

FICHA TÉCNICA

Amparo 3 x 2 União Mogi

Data: 20/04/2019

Local: Estádio José Araújo Cintra - Amparo (SP)

AMPARO

Neneca; Rafa (Davi), M.T., Murylo e Silva; Xavier, Lauro (Renan), Leozinho e Bruninho; Branco (Yuri) e Adame. Técnico: Ricardo Rafael.

UNIÃO MOGI

Lucão; Tiago Santos, Carlão, Erick Joe e Gabriel; Silva, Eric Everton (Juan), Flávio e Mateus Coré; Allan (Wallace) e Tiago de Jesus (Pedro Henrique). Técnico: Gelson Fogazzi.

Árbitro: Matheus Delgado Candançan

Gols: Lauro (9 min/1ºT), Adame (11 min/2ºT) e Branco (21 min/2ºT) para o Amparo; e Carlão (17 min/1ºT) e Mateus Coré (30 min 1ºT) para o União Mogi

Cartões amarelos: Rafa (Amparo); e Tiago de Jesus, Flávio, Eric Everton e João Vitor (União Mogi)